Diferença entre Intercâmbio Tradicional e Esportivo

Quem pensa em fazer um intercâmbio, já tem em mente que o tempo longe de casa vai ser longo. Para alguns, a experiência é de fácil adaptação desde o início, mas não são todos que conseguem se adaptar facilmente a outra atmosfera.

Como Escolher

Há inúmeros fatores que precisam ser levados em consideração na escolha do intercâmbio. Para essa decisão, é importante estar seguro com a escolha. Cada família têm suas particularidades que precisam ser pensadas na hora de conhecer as características de cada programa. Atualmente, existem algumas modalidades dentro do próprio intercâmbio tradicional (para estudo de língua estrangeira) e intercâmbio esportivo. Nas duas versões podem ser escolhidos o destino, se pretende ficar em casa de família ou hospedado na instituição de ensino, a duração pode ser um fator determinante também 6 meses a um ano, ou até mesmo, pensar em um plano futuro caso adapte-se a realidade do país de estudo!

Diante das variáveis possíveis dessa decisão de investimento, há duas categorias que precisam ser decididas: tradicional ou esportivo/artístico. 

O que é intercâmbio tradicional?

Intercâmbio é o ato de viajar para outro país e residir nele por um período de tempo pré-determinado, com o objetivo de estudar, trabalhar ou adquirir conhecimentos relativos à cultura local.

Originalmente, o intercâmbio era uma viagem na qual dois estudantes de diferentes países “trocavam”  temporariamente de casa um com o outro para vivenciar o dia a dia de outra cultura. Atualmente, o conceito já é mais abrangente e não requer necessariamente que haja uma troca, mas sim o planejamento de uma experiência, seja ela de estudo, trabalho ou lazer, no exterior. 

O que é intercâmbio esportivo/artístico?

O intercâmbio esportivo é uma opção de experiência internacional que abre muitas portas para atletas e amantes desse universo que querem conciliar a paixão pelo esporte ou arte com o estudo da língua. Esse tipo de viagem foca nas habilidades esportivas e em seu desenvolvimento, sem deixar de lado o aprendizado da língua, mais comumente o inglês. 

Essa modalidade de intercâmbio pode ser planejada por meio de contato com agências de intercâmbio especializadas na categoria, agências comuns ou por meio de participação em programas avaliatórios gratuitos que garantem bolsas de estudo em diversas high school  ou universidades dos EUA.

Por mais que o nome “intercâmbio esportivo” pareça resumir bem a ideia desse tipo de viagem, existem, para o estudante interessado, diferentes possibilidades para viver a experiência de estudar inglês (ou outro idioma) e, ao mesmo tempo, especializar-se e ampliar o horizonte de oportunidades no meio esportivo e artístico.

Confira algumas abaixo!

High School + Esportes

Essa opção é ideal para os atletas ou amantes de esportes que gostariam de cursar o Ensino Médio nos EUA. Além vivenciar o tradicional high school, que proporciona um maior intercâmbio cultural por conta do contato direto com jovens americanos, o estudante que escolhe essa opção tem a oportunidade de conviver com atletas intercambistas de diversos lugares do mundo.

Cursos de Idiomas + Esportes

Se o candidato a intercambista já é formado no Ensino Médio ou até mesmo na faculdade, essa alternativa pode ser boa. Nessa modalidade de intercâmbio esportivo, o estudante pode escolher um curso de línguas que se adeque melhor às suas intenções e uni-lo à prática de esportes. Com o dia a dia de treinos e atividades em conjunto com outros atletas e profissionais veteranos da área, o estudante faz contatos e, consequentemente, conhece melhor as oportunidades que possibilitam crescimento dentro do universo esportivo.

Bolsas Esportivas

As bolsas são uma ótima opção para os estudantes com orçamento incompatível com o valor de um intercâmbio pago. Muitas universidades e escolas americanas incentivam a prática esportiva e disponibilizam bolsas a estudantes que querem aperfeiçoar suas habilidades no esporte ou que buscam por oportunidades no meio. Por meio de pesquisa, é possível entender como cada instituição seleciona os bolsistas e se os benefícios são integrais ou parciais.

Sports Visitor Program

Criada pelo governo dos EUA com a intenção de possibilitar o contato com as melhores práticas, técnicas de excelência e liderança esportivas, a iniciativa seleciona atletas, treinadores e administradores de equipes semiprofissionais entre 15 e 21 anos.

Entre outras opções que o programa oferece, estão técnicas de coaching esportivo, administração de recursos e empoderamento para mulheres no esporte. O Sports Visitor Program também é uma boa alternativa para os estudantes que preferem não colocar a mão no bolso, já que despesas como transporte, hospedagem e alimentação são custeadas pela Missão Diplomática dos EUA no Brasil.

Para quais países posso fazer esse tipo de intercâmbio?

É comum as pessoas associarem intercâmbios a experiências americanas. Porém, quando se trata de intercâmbio esportivo, as opções de destinos não se limitam apenas à América do Norte. Entre os países que podem ser escolhidos por estudantes interessados em aprender idiomas e, ao mesmo tempo, praticar esportes, estão a Inglaterra, a Espanha e o Canadá, Nova Zelândia, Austrália, Irlanda além dos próprios Estados Unidos.

Além da pluralidade de opções para programar a viagem e a variedade de países de destino, as modalidades esportivas e artísticas nesse tipo de intercâmbio também são muitas e conseguem agradar diversos gostos.

Entre as atividades disponíveis para os estudantes estrangeiros, estão:

  • Tênis
  • Tênis de mesa
  • Basquete
  • Vôlei
  • Futebol
  • Futsal
  • Futebol americano
  • Natação
  • Beisebol
  • Golfe
  • Ginástica
  • Remo
  • Atletismo
  • Pólo aquático
  • Levantamento de peso
  • Rugby
  • Líder de torcida
  • Dança
  • Teatro
  • Música
  • Entre outros…

O intercâmbio esportivo é uma opção não apenas pra atletas que desejam continuar na prática esportiva ao estudar em outro país, mas também uma oportunidade de ter contato com esportes que não são comuns no Brasil.

Mas se você não é atleta, que tal programar seu intercâmbio em épocas e destinos em que acontecerão campeonatos mundiais? Poderá ser sua chance de assistir presencialmente eventos esportivos de destaque internacional.

Antes de viajar para estudar em outro país, é importante se preparar: estudando inglês, realizar um intercâmbio de curta duração, conhecer bem a cultura de destino, preparo psicológico, avaliação médica, preparação física (independente se fará intercâmbio esportivo) e no caso do intercâmbio esportivo/artístico é imprescindível o portifólio do atleta, com filmagens da atividade praticada e relatórios que os professores e técnicos necessitam preencher.

O Nosso Papel

O Grupo Vessel é especializado em orientar adolescentes e adultos que queiram empreender e desenvolver estudando fora do país através da Viagens Esportivas, com intercâmbio de curta duração para prática da modalidade que goste em alto nível, Vessel Esportes, no preparo e orientação de atletas e artistas, com treinamentos, filmagens e uma equipe multidisciplinar à disposição dos adolescentes e adultos, e Vivências Educacionais, com intercâmbio de curta duração para estudo de língua estrangeira. 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat